Consciência do Pavimento Pélvico Feminino

Sabe como contrair os músculos do pavimento pélvico?

Os músculos do pavimento pélvico são controlados, como qualquer outro músculo, pelo cérebro. No entanto, não conseguimos observar estes músculos como os restantes músculos.

Quando precisamos de realizar uma flexão do cotovelo, não precisamos de pensar quais são os músculos que precisamos de ativar para realizar este movimento. No entanto, quando queremos ativar a musculatura pélvica, temos que pensar qual é o movimento que precisamos de realizar.

Para conseguirmos uma boa contração precisamos de ter noção da sua localização e da sua função. Estes músculos localizam-se na parte inferior da pelve, e são responsáveis pela manutenção da continência urinária e fecal, pela sustentação dos órgãos pélvicos e também, pela função reprodutiva, sexual e postural. 

Os músculos do pavimento pélvico são de extrema importância para a saúde da mulher, no entanto, o conhecimento sobre esta musculatura, disfunções e opções de tratamento é reduzido. A falta de conhecimento do próprio corpo, dificulta a contração desta musculatura. Ou seja, é muito importante termos consciência corporal sobre esta região.

E como é que as mulheres podem ganhar consciência corporal em relação aos músculos do pavimento pélvico? Através do ensino/treino da contração destes músculos, uma contração eficiente resulta numa elevação dos órgãos pélvicos e no fecho da uretra, vagina e ânus.

Cerca de 30% das mulheres não conseguem realizar uma contração dos músculos pélvicos apenas com comando verbal. Nestes casos, podemos e devemos recorrer a utilização do BIOFEEDBACK. Esta forma de tratamento ajuda a mulher a ter uma melhor consciência corporal dos músculos pélvicos e da sua contração.

A literatura tem evidenciado uma alta prevalência de disfunções relacionadas com os músculos do pavimento pélvico, sendo a incontinência urinária a mais prevalente. Esta, afeta mulheres de várias idades e, consequentemente, a qualidade de vida desta população.

Existem várias opções de tratamento disponíveis para a incontinência urinária, a primeira opção de escolha, deve ser o treino dos músculos do pavimento pélvico. Para que este treino seja ainda mais eficaz, é importante que o paciente esteja informado e motivado.